WikiFox

Infinitivo



Na gramática, infinitivo é uma das três formas nominais do verbo, sendo aquela com a qual verbo se apresenta naturalmente, sem qualquer conjugação.[1] Corresponde ao lema do verbo, encabeçando sua entrada em dicionários e enciclopédias. Transmite ideia de uma ação ou estado, porém sem vinculá-la a um tempo, modo ou pessoa específica.[2]

Na língua portuguesa e na língua galega[3] (anteriormente também na língua asturiano-leonesa e na língua napolitana) além do infinitivo não flexionado ou infinitivo impessoal, também existe o infinitivo flexionado por pessoa, chamado de infinitivo pessoal.[4] Também é usado na língua húngara.[5]

Índice

SECTION_REPLACE

Infinitivo impessoal

O infinitivo impessoal é formado de maneira invariável e não está relacionado a nenhuma pessoa.[4]

Exemplo: cantar, sofrer, partir.

Uso

Costuma-se usar o infinitivo impessoal quando:[6]

  • refere-se a uma ideia genérica, sem sujeito determinado;
Sair é preciso.
Pessoal, sair!
Vocês têm o direito de sair quando quiserem.
  • em locuções verbais;
Quero sair daqui.
  • quando o sujeito do verbo no infinitivo é o mesmo do da oração anterior;
Estamos dispostos a sair.
  • quando o verbo no infinitivo preceder ou estiver distante do verbo da oração principal, ele poderá ser flexionado;
Ao sairmos, estaremos livres.
Eles fizeram a prova apressadamente para saírem mais cedo da escola.
  • com os verbos auxiliares causativos e sensitivos "deixar", "mandar", "fazer", "ver", "sentir", "ouvir", "perceber", "notar" e sinônimos que não formem locuções verbais, em conjunto com um pronome oblíquo;
Mandei-os sair.
Ouvi-os sair em debandada.

Infinitivo pessoal

O infinitivo pessoal é formado a partir do infinitivo impessoal, adicionando-se as desinências iguais às do futuro do subjuntivo: -es, -mos, -des, -em. Por isso, nos verbos regulares esses dois tempos se confundem.[7]

Exemplo: cantar, cantares, cantar, cantarmos, cantardes, cantarem.

Uso

Costuma-se usar o infinitivo pessoal quando:[7]

  • refere-se a um sujeito próprio, diferente do da oração principal;
Para conseguirmos sair, alguém precisa destrancar a porta.
  • o sujeito a que se refere é expresso antes do infinitivo;
Para nós conseguirmos sair, precisamos abrir a porta.
  • o sujeito é indeterminado na terceira pessoa do plural sem nenhuma referência e s pronome SE - índice de indeterminação;
Para conseguirem sair, devem abrir a porta.
  • em ação recíproca ou reflexiva - indicando reflexividade ou reciprocidade;
Depois das portas abrirem-se, poderemos sair.

Referências

  1. «Formas nominais do verbo» . Conjugação de Verbos. 7graus. Consultado em 31 de dezembro de 2016
  2. «O uso do infinitivo» . Globo. Consultado em 3 de novembro de 2013. Arquivado do original em 10 de agosto de 2013
  3. Saborido, Carme; Lusopatia; Linguística (29 de maio de 2018). «Infinitivo Pessoal» . Portal Galego da Língua - PGL.gal. Consultado em 24 de agosto de 2022
  4. a b «Emprego do Infinitivo Impessoal e Pessoal» . Só Português. Virtuous. Consultado em 23 de dezembro de 2016
  5. Diario, Nós (20 de maio de 2020). «Falares, falarmos, falardes... O infinitivo flexionado, na lección 12 do curso de galego» . Nós Diario (em galego). Consultado em 24 de agosto de 2022
  6. «Emprego do Infinitivo Impessoal e Pessoal» . Só Português. Virtuous. Consultado em 23 de dezembro de 2016
  7. a b «Infinitivo Pessoal» . Só Português. Virtuous. Consultado em 23 de dezembro de 2016

Ligações externas

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Definições no Wikcionário
Livros e manuais no Wikilivros





Fonte


Data da informação: 28.08.2022 03:37:58 CEST

Fonte: Wikipedia (Autores [História])    Licença do texto: CC-BY-SA-3.0. Os autores e licenças das imagens individuais e dos media podem ser encontrados na legenda ou podem ser exibidos clicando na imagem.

Mudanças: Todas as imagens e a maioria dos elementos de design relacionados a essas foram removidos. Alguns ícones foram substituídos por FontAwesome-Icons. Alguns modelos foram removidos (como "o artigo precisa de expansão) ou atribuídos (como" notas de rodapé "). As classes CSS foram removidas ou harmonizadas.
Os links específicos da Wikipedia que não levam a um artigo ou categoria (como "Redlinks", "links para a página de edição", "links para portais") foram removidos. Todo link externo possui um FontAwesome-Icon adicional. Além de algumas pequenas mudanças de design, foram removidos os contêineres de mídia, mapas, caixas de navegação, versões faladas e microformatos geográficos.

Nota importante Uma vez que o conteúdo dado foi adquirido por máquina da Wikipedia na altura indicada, um exame manual foi e não é possível. Portanto, WikiFox.org não garante a exactidão e a actualidade do conteúdo. Se entretanto as informações estiverem erradas ou se estiverem presentes erros na representação, pedimos-lhe que nos contacte: email.
Veja também: Impressão & Política de Privacidade.