WikiFox

Turno



Disambig grey.svg Nota: Se procura por pelo filme italiano, veja Il turno.

Turno é, na mitologia romana, rei dos rútulos, filho de Dauno e da ninfa Venília, irmão da ninfa Juturna e neto de Pilumno. É o comandante dos exércitos que se aliaram aos rútulos para expulsar Eneias e os troianos que, com a queda de Troia, seguiram o destino de fundar uma cidade no Lácio (região central da península Itálica) que mais tarde governaria o mundo, Roma.

Turno
Aeneas and Turnus.jpg
Eneias vence Turno, por Luca Giordano
Pais Dauno e Venília
Irmão(s) Juturna

Na Eneida de Virgílio, Turno é o pretendente principal de Lavínia, filha de Latino, rei dos latinos, antes da chegada de Eneias à Itália. Mas não consegue casar-se com ela, pois um oráculo aconselha Latino a aceitar como genro um estrangeiro, que trará glória ao seu povo. Esse estrangeiro é Eneias.

Indignado, e por influência da deusa Juno e da fúria Alecto, Turno declara guerra aos troianos. Não consegue o apoio do rei Latino, mas tem como aliado Mezêncio, ex-rei dos etruscos, que não vê com bons olhos o poder cada vez maior dos troianos.

Duas batalhas são travadas entre troianos e rútulos, e seus respectivos aliados, e as duas são vencidas pelo exército comandado por Eneias. Entre os aliados de Turno na luta contra o exército de Eneias estão também Amata, mulher do rei Latino, sua irmã a deusa Juturna e a rainha dos volscos Camila.

Durante as batalhas, Turno mata Palante, filho de Evandro e aliado de Eneias. Depois de muitas mortes nos dois exércitos, Turno se decide a enfrentar Eneias num duelo, única saída segundo ele para resolver o conflito. Num primeiro confronto, Turno tenta atingir a armadura de Eneias, mas vê sua espada voar em pedaços e procura salvar-se fugindo.

Num segundo confronto, Eneias traspassa o escudo de Turno e o fere na coxa. O rútulo reconhece sua derrota e suplica a Eneias que poupe sua vida. Eneias vai atender o pedido, quando vê no ombro do inimigo o cinturão de seu aliado mais querido, Palante. Muda de ideia e enfia a espada no coração de Turno. "E sua vida, indignada, foge, com um gemido, para o reino das sombras", conta a última linha do poema de Virgílio.


Ver também





Fonte


Data da informação: 19.09.2021 10:10:13 CEST

Fonte: Wikipedia (Autores [História])    Licença do texto: CC-BY-SA-3.0. Os autores e licenças das imagens individuais e dos media podem ser encontrados na legenda ou podem ser exibidos clicando na imagem.

Mudanças: Todas as imagens e a maioria dos elementos de design relacionados a essas foram removidos. Alguns ícones foram substituídos por FontAwesome-Icons. Alguns modelos foram removidos (como "o artigo precisa de expansão) ou atribuídos (como" notas de rodapé "). As classes CSS foram removidas ou harmonizadas.
Os links específicos da Wikipedia que não levam a um artigo ou categoria (como "Redlinks", "links para a página de edição", "links para portais") foram removidos. Todo link externo possui um FontAwesome-Icon adicional. Além de algumas pequenas mudanças de design, foram removidos os contêineres de mídia, mapas, caixas de navegação, versões faladas e microformatos geográficos.

Nota importante Uma vez que o conteúdo dado foi adquirido por máquina da Wikipedia na altura indicada, um exame manual foi e não é possível. Portanto, WikiFox.org não garante a exactidão e a actualidade do conteúdo. Se entretanto as informações estiverem erradas ou se estiverem presentes erros na representação, pedimos-lhe que nos contacte: email.
Veja também: Impressão & Política de Privacidade.